25 maio 2011

Dia do Orgulho Nerd - 25 de maio?

Olá amigos do blog Mundo Nerd.

Hoje é um dia para se comemorar sim. Sei que não muda muito para nós "Nerds", mas vale a pena destacar que temos um dia no ano em nossa homenagem. Hoje, 25 de maio ficou instituído como o Dia do Orgulho Nerd. Mas será que é isso mesmo? Não seria melhor dizer que hoje é o dia da TOALHA?

"A data – 25 de maio – foi escolhida por nerds bem-humorados por marcar a estreia, há distantes 34 anos, da saga Star Wars, do diretor George Lucas. Mas o ‘universo’ que atrai a atenção dos nerds não se limita apenas a galáxias distantes de mundos paralelos de filmes de ficção científica." (Texto retirado da publicação do G1)


Muitas são as opções de programa para o Nerd hoje, mas tenho certeza de que quem é Nerd verdadeiramente não vai querer sair de casa ou curtir uma balada. Vai querer mesmo é jogar um videogame com os poucos amigos que tem, ou assistir uma série de TV, ou mesmo ficar em frente ao seu computador ou tablet e navegar pela Internet.

Mas lembrando o nosso ilustre "mestre", Douglas Adams, criador do "Guia do Mochileiro das Galáxias, um NERD deve andar por aí com uma toalha pendurada na mochila, assim ele estará seguro no caso de uma invasão alienígena. Caso tudo dê errado, uma toalha representa a sua única esperança de sobrevivência, pois sem ela você não vai arranjar uma carona para viajar pelo universo. :)

Abaixo transcrevo as palavras do "mestre" Douglas Adams sobre a importância de uma toalha.


“A toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. Em parte devido a seu valor prático: você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla; pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos; você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon; Pode usá-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas do rio Moth;
Pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em combate corpo a corpo; enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal (um animal estonteantemente burro, que acha que, se você não pode vê-lo, ele também não pode ver você – estúpido feito uma anta, mas muito, muito voraz); Você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro;
E naturalmente pode usá-la para enxugar-se com ela se ainda estiver razoavelmente limpa.
Porém o mais importante é o imenso valor psicológico da toalha. Por algum motivo, quando um estrito (isto é, um não-mochileiro) descobre que um mochileiro tem uma toalha, ele automaticamente conclui que ele tem também escova de dentes, esponja, sabonete, lata de biscoitos, garrafinha de aguardente, bússola, mapa, barbante, repelente, capa de chuva, traje espacial, etc., etc.
Além disso, o estrito terá prazer em emprestar ao mochileiro qualquer um desses objetos, ou muitos outros, que o mochileiro por acaso tenha “acidentalmente perdido”. O que o estrito vai pensar é que, se um sujeito é capaz de rodar por toda a Galáxia, acampar, pedir carona, lutar contra terríveis obstáculos, dar a volta por cima e ainda assim saber onde está sua toalha, esse sujeito claramente merece respeito.”

Enfim o mundo não seria o mesmo sem os NERDS. Um grande abraço a todos aqueles que de alguma forma, contribuíram e continuam a contribuir por um mundo melhor, novas formas de encarar o mundo, e de resolver  problemas. A evolução está nas nossas mãos. E vamos pelas galáxias!

15 maio 2011

Mobilidade Monitorada

Mobilidade. Este é o termo que vem tomando conta da vida de todos nós nos últimos anos, porém eu colocaria um complemento formando o termo MOBILIDADE MONITORADA.

É cada vez maior a quantidade de pessoas que possuem um smartphone. E com as novas tecnologias associadas e disponibilizadas a estes equipamentos, é possível dentre outras coisas, utilizar um GPS, jogar, e até mesmo acessar a internet.

É notável dentre outras possibilidades, a verdadeira onda de utilizar as redes sociais nos smartphones. Se pararmos rapidamente para realizar um raciocínio e uma conta, chegaremos a um número absurdo, vejamos:

Por minuto eu recebo em minha conta do Facebook, 5 mensagens. Dessas 5, pelo menos 2 são enviadas utilizando smartphones. Isso somente eu, agora você imagine uma rede social que possui aproximadamente 500 milhões de usuários e cada um deles recebendo 3 mensagens por minuto via smartphone? Absurdo não?

Mas o que quero mostrar com isso? É notável como as pessoas se preocupam em mostrar o que andam fazendo e conseguirem popularidade (networking) utilizando as redes sociais e o smartphone. Com tudo isso, muitos não se preocupam com a imagem que passam de si mesmo para os outros e acabam mostrando às vezes até mais do que deveriam de suas vidas levando a outros assuntos não menos importantes que são, engenharia social, invasão de privacidade, racismo, etc.

Não estou querendo ser moralista, mas estou apenas mostrando que, devemos nos preocupar com a nossa imagem pessoal e profissional e que as nossas vidas hoje são invadidas por pessoas que nem sequer conhecemos verdadeiramente. É uma verdadeira MOBILIDADE MONITORADA, onde temos toda a flexibilidade de nos mantermos conectados e a facilidade de contato, mas que ao mesmo tempo, somos vigiados minuto à minuto.

Utilizar a comunicação é fácil, com conhecimento e objetivo é outra coisa.